Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sobre tudo e sobre nada.

O bom filho a casa torna

Youtube-blocking.webp

 

Sempre andei pelo mundo dos blogs e das redes sociais até começar a pensar em vídeos e em toda a experiência de ter um canal no YouTube. Isso aconteceu durante mais de dois anos e, nesses dois anos não falhei um vídeo. Cumpri a minha meta de publicar um vídeo todas as semanas mas a motivação foi desaparecendo.

Eu já sabia que "a minha praia" é por aqui, mas nada como tentar fazer algo diferente para não ficar a pensar no que poderia ter acontecido se não tivesse arriscado.

Arrisquei, gostei mas não irei continuar. Não faz sentido. O único que poderá acontecer é ter vídeos pontuais que possam complementar as publicações daqui do blog. É algo que já ando há um tempo a pensar e é muito provável que assim seja daqui para a frente.

É como costumo dizer, que não tentarmos nunca sabemos se iríamos gostar, se iria correr tudo bem, enfim, ficaria sempre na expectativa do que poderia ter acontecido.

Esta publicação é apenas mais um desabafo... confesso que já a tinha escrito há uns dias e que ainda não estava completamente decidida se iria "abandonar" o canal mas agora já sei que irei seguir com o blog, poderei fazer algum vídeo, como mencionei ali em cima, mas que serão apenas para complementar aqui o blog.

Curiosamente vi que há criadores de conteúdo pelo YouTube com contas bem grandes (milhões de seguidores) que estão a perder a motivação. Isto porque está a acontecer o mesmo que me levou a tomar esta decisão. O YouTube está a tentar de tudo que as pessoas desistam, pelo menos é o que parece.

O meu canal, sendo uma conta pequena, está a perder visualizações todos os dias e, não é pelo desinteresse das pessoas. Simplesmente não há "entrega". Um caso muito simples é que quem acompanha canais e tem as notificações ativas, simplesmente não as recebe. Isso tudo faz baixar as visualizações e, por muito que eu goste de fazer vídeos, vi que as visualizações foram diminuindo ao ponto de pensar se vale a pena estar a perder aquele tempo todo, sim, porque entre gravar, editar e publicar, é tempo que se gasta e, no meu caso, não vejo motivo para continuar.

Estarei por aqui...

* Foto de capa retirada daqui.